Logo-grupo-cimm

Para voar, não basta ter asas!

Asas não basta

Certos níveis elevados de realização só são possíveis àqueles capazes de reinventar-se. A contínua evolução reside na eterna insatisfação. Se é verdade que o homem é fruto de suas crenças, enquanto houver apego, não haverá evolução. Ao incapaz de renascer resta a conformidade com o que tem. Quem estiver apaixonado pela própria história já terá alcançado o suficiente de si mesmo. Aquele que se acredita cem por cento certo, já selou o próprio destino e o que se imagina cem por cento errado, se quer nasceu. Reconhecer outras possibilidades, enxergar um mesmo desafio sob novas perspectivas, ouvir mais do que a própria voz só é possível aos verdadeiros líderes. Ceder apenas para conciliar é um erro, não ceder apenas para demonstrar poder é pura ignorância. Muitas vezes o consenso é apenas consenso e nada mais do que o consenso. Nem sempre a discórdia encerra uma inverdade. De modo geral, o silêncio é sinal de incompetência, todavia, há momentos em que denota grande sabedoria. Para muitos a eloquência é sempre sábia e foi por esse meio que tantos foram levados ao holocausto. A borboleta só voará quando morrer a lagarta. Todas as aves tem asas, contudo, poucas dominam o vento e as alturas. Isso explica porque não se encontram águias nos açougues de supermercados. 

Marcondes                                                                  10 de Janeiro de 2013

Gostou? Então compartilhe