Logo-grupo-cimm

Por que os nativos andavam nus?

1 A Planta Molhada

Tudo o que existe no universo tem um propósito e uma razão de ser. Um motivo para ser o que é e como é! Cada elemento cumpre uma missão necessária a fim de que a existência seja viável e, necessariamente, renovável. Indiferentemente ao que possa pensar ou compreender cada pessoa, tudo ocorre de modo autônomo e perfeito, promovendo bilhões de interações interdependentes e sinérgicas, a cujo resultado final se dá o nome de vida! Antepondo-se, assim, ao que se poderia chamar de caos!

Tudo se dá sem ensaio e certo da primeira vez! No processo evolutivo, cada micro sistema, cada micro cosmo é pleno em significado. Nada ocorre por acaso ou por simples capricho. Cada nano evento tem sua utilidade. Tudo se harmoniza e se ordena, de maneira que toda a biosfera, de algum modo, se beneficie dessa comunhão de infinitas interações. Um fervilhar de ocorrências que culmina na exuberância cósmica desse lindo planeta azul. Obra de arte viva, que se faz por si só, sem nada cobrar, sem nada exigir, a não ser, que não se interfira naquilo que os milhões de anos de evolução estabeleceram e ao que se usa dar o nome de perfeição.

Não há maior ou menor importância entre o dia e a noite, entre o inverno e o verão, ente o morcego e a andorinha, entre a cobra e o lagarto, entre a abelha e a libélula, entre a grama e o arbusto, entre o espinho e o cipó, ainda que, consciências mais medíocres possam manifestar suas predileções. Todos, sem exceção, tem a mesma gênese, contudo, propósitos distintos, porém, indispensáveis.  Nasceram e, até aqui, sobreviveram para proporcionar equilíbrio e renovação!   O fogo, o ar, a terra e o mar são todos cúmplices e, absolutamente, necessários um ao outro! Basta que um desses adoeça, definhe ou se extingua, para que todos os demais pereçam! O orvalho que repousa sobre as pétalas da flor, o pingo de chuva que desliza na superfície da folha, não são menos importantes que a gota de suor que mina na fronte de um executivo ou de um lavrador. Cada evento é consequência e ao mesmo tempo causa na corrente de fenômenos que compõem o cosmos!

Tal constatação permite refletir sobre alguns porquês. Um deles refere-se à nudez de Adão e Eva. Como muitos já se deram conta, há muito simbolismo como pano de fundo dessa passagem bíblica! O homem atual, tornou-se extremamente apegado ao consumo de uma infinidade de coisas, às quais, de fato, não precisa para sobreviver. Assim, para produzir tudo aquilo que supõe, efetivamente, necessitar, escava, remove, aterra, arranca, derruba, queima, inunda, explode, pavimenta, concreta, cerca, seca, poda, suga, cora, cola, mecaniza, extingue, mata, toma, rouba, bombardeia, explora, entre tantas outras agressões, pois recusa-se a integrar-se à própria origem. O homem perfeitamente integrado à natureza é aquele, cujo desapego às coisas materiais é tão grande, que anda nu e nem se dá conta, como Adão e Eva, antes de provarem do fruto proibido. Nada precisa produzir, pois tudo está pronto. A mãe natureza provém absolutamente tudo, desde que se abra mão da ganância e da ambição de tomar o lugar de Deus, o que, provavelmente, constitua a maior de todas as heresias, além de pura vaidade.

Milhões de indígenas, viveram milhares, talvez, milhões de anos, sem fazer dano algum ao meio ambiente. Por conta da pseudo sapiência do homem civilizado, é que todo cidadão passou a sentir-se tão necessitado de coisas, que se, por um lado, agregam algum tipo de conforto, por outro, está extinguindo, deliberadamente, todos os recursos do nosso finito mundo. Não há dúvidas de que, os mais irônicos e sínicos, poderiam dizer que se está propondo a nudez ao povo das grandes metrópoles e ao mundo civilizado. Obviamente que não! O maior dos propósitos é levar as pessoas a refletirem sobre, o que cada uma delas poderia fazer, para reverter esse estado de coisas. Como contribuir para a minimização do consumo, para a introdução de sistemas produtivos ecologicamente sustentáveis, que eliminem os danos feitos à fauna e a flora? Essas que têm tanto direito à vida quanto qualquer humano, embora sejam incontáveis aqueles que discordem dessa alegação! A grande maioria dos indivíduos, sabe exatamente porquê está no shopping ou porquê foi ao estádio de futebol, mas não tem a mínima noção do papel que deveriam exercer na terra!

Marcondes                                   04 de Novembro de 2013                            00:03

Gostou? Então compartilhe

8 comments on “Por que os nativos andavam nus?”

    • Francisco C Marcones Responder

      Prezado Paulo!
      Muito obrigado pelo teu comentário e pela visita ao blog.
      Muitos de nós não temos como influenciar todas as pessoas, porém, creio que podemos influenciar o nosso entorno, nossa família, nossos amigos, nossos alunos e assim por diante.
      Creio que só a maturidade e a cultura poderá conscientizar as pessoas. Há muita gente formadora de opinião e que serve de referência para muito outros. Com boa vontade, creio que se poderia reverter essa situação!
      Fico feliz por saber que você também compartilha do meu modo de pensar!
      Tenha uma ótima semana!
      Abraço!
      Marcondes.

  1. Aldeci Responder

    Olá Marcondes, seus pensamentos estão alinhados com os meus também. Há valores que não são percebidos pela maioria das pessoas. Pequenas coisas que podem trazer grandes prazeres e que só são vistos e assimilados em momentos difíceis da vida. Que bom seria se todos tivesse o amadurecimento para entender isso, o mundo seria bem melhor.
    Grande abraço e parabéns

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado Aldeci!
      Tua presença sempre me traz satisfação!
      Penso que se cada pessoa consciente, conseguir conscientizar mais duas ou três pessoas, já será um bom começo. Dei que você é uma dessas pessoas que fazem a diferença!
      Grande abraço e mais uma vez obrigado pela visita!
      Marcondes.

  2. Edilson Responder

    Boa noite querido Marcondes.

    É amigo, eu vou compartilhar “minha questionável opinião”

    Penso que chegamos a um estágio de consumismo irreversível, e só vamos mudar quando o barco já estiver à deriva.

    Semana abençoada pra você e família!!!

    Ósculo Santo!!!

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado Edilson!
      Obrigado pela visita e pelo comentário!
      Se pensamos em mudar o mundo, sentimo-nos incapazes, porém, se pensamos em mudar a própria casa, nos parece um desafio muito mais factível.
      Muitas vezes o impossível é formado por uma infinidade de coisas possíveis.
      Ao de decidir escolher escalar uma montanha muito alta, não é conveniente ficar olhando o quanto estamos distantes do pico e quão alto ele é, pois isso nos desanima. Pois que olhemos então, apenas para a distância do próximo passo, assim, o venceremos facilmente. Depois pensaremos no próximo passo e assim por diante. Deste modo, não desanimamos. Uma infinidade de pequenas vitórias, nos levará acima das nuvens.
      Grande abraço meu irmão!
      Marcondes.

  3. Israel Ribeiro Responder

    Olá Grande Marcondes

    Parabéns pelo comentário, realmente temos que fazer nossa parte com relação a mãe natureza.
    Sabemos que alguns já tem consciência, com meio ambiente , mas é muito pouco, mesmo com trabalhos pequenos de formiguinha de preservá-la façamos nossa parte.

    Forte abraço

    Israel Ribeiro

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado Israel!
      Muito obrigado pela visita e pelo comentário!
      É incrível o que um enxame de formigas por de realizar de um dia para o outro!
      Ai ideia é essa mesma, cada um fazendo um pouco podemos mudar o mundo!
      Grannnnnde abraço!
      Marcondes.

Deixe uma resposta