Logo-grupo-cimm

Todo evento deve ter um propósito!

Homem Pensando

Antes de se definir qualquer evento é preciso estabelecer qual o propósito a ser atingido!

Não importa qual seja o evento, uma festa, um passeio, uma participação em feira de negócios, um encontro, uma palestra, um treinamento, uma convenção de vendas, um open house, etc. é preciso ter-se bem claro o que se espera alcançar com essa ação. Por exemplo: A ideia é vender, promover, incentivar a experimentação, motivar, conquistar a adesão a um novo método de trabalho, divulgar uma nova tecnologia,  informar ou , treinar. Promover a empresa ou o produto? A marca ou o suporte técnico? Permitir um test drive ou apenas fazer uma demonstração? Ao final do evento, o que se deseja ter provocado na plateia? Que reações? Que emoções? Isso é importante porque cada finalidade implicará em lay-outs diferentes, arranjos particulares, discursos distintos, apresentações específicas, recursos audio-visuais próprios, estratégias dedicadas e assim por diante.

Ler post completo

Que tua alegria transponha o carnaval!

Sorriso de Criança

Para alegra-se  não é preciso muito. Basta receber um sorriso  sem culpa  e desprovido de malícia, desses que  transpassam a alma  pela pureza que traduzem e, assim, arrebatam até os espíritos  mais cautelosos. Um sorriso   natural e límpido ante o qual até a fera  mais temerosa se curvaria em respeito, por encontrar nele a  imagem e a semelhança do amor real e sem qualquer preconceito, tão típicos nos recém nascidos.  Um sorriso que  irradia luz,  sem nada  exigir, desses  sorrisos,  que diluem corações de pedra  e  resplandecem em graça, sem ter consciência do poder que possuem. Expressão sincera de contentamento que a humanidade parece ter esquecido.  Tão delicado  que exala o perfume  da  total  inocência . Ainda que lhe  ornem à revelia do que poderia pensar na maturidade, nada importa, pois  a felicidade espontânea lhe ilumina o rosto ao receber as boas vindas de alguém  tão parecido com  quem há tão pouco tempo  lhe disse : Vá meu amado, que tenhas uma boa viagem e ao regressar , não te esqueças de me trazer de volta o mesmo sorriso!

Marcondes            10 de Fevereiro de 2013        01:49

Ler post completo

Para aplaudir de pé!

Sindrome 2

Estudante com síndrome de Down é aprovado no vestibular da UFG. Aluno passou na primeira chamada para Geografia no Campus de Jataí. Mãe diz que decisão de prestar vestibular e fazer o curso foram do jovem. Ele é o primeiro aluno com síndrome de Down a passar no vestibular da UFG. O estudante não teve correção diferenciada. Ele concorreu de igual para igual com os outros candidatos. “A única vantagem concedida foi ter alguém para ler a prova para ele e a prova com letras maiores porque ele tem baixa visão” Explica a mãe do calouro, a pedagoga Eunice Tavares. Ela conta que a escolha do curso e a decisão de prestar o vestibular foi do estudante. “Desde o início do ensino médio ele já começou a falar, que prestaria vestibular para geografia”, diz.

Obs: Colhi a foto e a informação no mural do Facebook da estimada Tatiana, minha amiga, quase sobrinha! Valeu Tati!

Quando leio uma notícia dessas, eu que leciono há mais de 22 anos, não tenho como não pensar em tantos ex-alunos, absolutamente normais, naturais, sãos por completo, no entanto, completamente apáticos e sem vontade, sem garra, sem desejo de mudar o rumo da própria história. Em geral são aqueles da conversa paralela. Muitos, mais cedo ou mais tarde, mudarão com certeza, poderão até ser grandes empresários, gente bem sucedida, quem sabe? Porém, em geral isso ocorre quando a água sobe pela coluna vertebral, quando nasce o primeiro filho, quando se casam, quando alguma fonte extra de sustentação seca. Em verdade, apesar desse tipo de comportamento não ser algo que ao longo do tempo tem me alegrado, não cabe a mim e nem a ninguém julgar! Cada um é livre para decidir o que fazer com o próprio tempo. Contudo, não posso deixar de me levantar e aplaudir de pé esse garotinho! Yesssssssssssssssss! Aí sim maninho!!! Que Deus te abençoe e mantenha tua determinação! Dizer parabéns é pouco, deve haver algo maior que parabéns para dizer a você grande herói!

Marcondes                                 06 de Fevereiro de 2013                            22:31

Ler post completo

Waiting for my love!

Menininha pensativa

Waiting for my love I stay here everyday. I don’t trust any promisses. I’ve learned ythat they means nothing. They are just a way to put me out from the focus I am really interested today. I mean today! However, while I was a child I will still blieving the adults. While I was a child. I am sure that something should be done, however…., however, the only thing I can do as a child is to wait! Because in such age as me, everything I can do is just waiting. Today, I am not prepared to replace my present love or to look for any other alternatives which could drug me to make me forget about such love dependence.

Ah! If I could change all my future for just half hour close to my love! There are so much affection in my heart, there are so may words in my mind, however, when my love arrived, I become so confuse, so acelerated that I pure can express myself!  The situation is is too embarracing for me, but waht can I do? These moments is so rare! Perhaps I love too much! What could I do?

I have a trunck fulled of dolls, however, their eyes have no brightness, they don’t know how to sing to make me sleep! They don”t know a single tale. They don’t embrace me, they don’t take me in their arms. I can not sleep wainting for my love! But I will persist. Yes!! I will do wait for, while the sleeping do not come down over me, while the innocence don’t abandon me, I will wait for my love, I really want to welcome him! O hero of my life! O foundation of my future! O late friends! O remedy of my fears! O ligth of my steps! O fatherly embrace, come soon!

Marcondes        o5 de Fevereiro de 2013                     23:35

Ler post completo

A la espera de mi amor!

Menininha pensativa

Esperando por mi amor me quedo en la ventana. Todavia, no creo más en promesas, pues yo he aprendido que ellas no tienem significado alguno. En verdad, son solamente una manera de desviar mi atención de lo que más me hace falta hoy; pero hoy. Sin embargo, yo continuaré creendo hasta que deje de ser una niña pequeñita. Pero, és mui importante que algo sea hecho, todavia….., todavia, a mi solamente me pasa esperar. Pues, en esa altura de mi vida, nada puedo hacer en mi próprio benefício, una vez que no me encuentro lista para encontrar substituiciones ó alternativas que puedan doparme de la ausencia de mi amor.

Ah! Se yo pudera cambiar mi futuro entero por treinta minutos de hoy con mi amor! Hay tanta reserva de tiempo en mi corazón! Hay tantas palabras en mi pecho! Que cuando se llega la hora esperada, yo acelero mi rítmo por demás. No lo sé por donde comenzo. Por final, me quedo nerviosa y equivocada, pues esos momentos son raríssimos. Pero, o que yo puedo hacer? Tengo un ricachón lleno de muñecas, todavia sus ojos no lucen, tampoco saben canciones para me hacer dormir. No saben cuentos de hadas, no puedem acogerme en sus brazos y me hacer cariño! Todavia, no tengo sueño.

Me quedaré a esperar mi amor hasta me pase la inocencia. Ó héroe de mi vida, ó mi esperanza de futuro, ó amigo tardios, ó remedio de mis miedos, ó luz de mis pasos, ó abrazo paternal, venga luego! Mi alma clama por ti!

Marcondes 05 de Febrero de 2013 21:45

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ler post completo

Até que me torne um fóssil!

Tona D Agua

Me apaixonei por Netuno, me deixei seduzir por Posseidon , entendi o encantamento de Narciso, tudo por tua causa. Sem ti, nada posso ser.  Não sobreviveria  sem ti. Estou à mercê de tua  majestade. Tu que me banhas o corpo, que me lavas os pés, me refrescas a fronte e me baixas a febre. Tu minha amada, que me sacias  a sede e preparas meu alimento. Tu que na aspersão me salvas e na imersão me libertas. Ó doce  criatura; seiva de fecundidade e vida! Ó fonte natural de gozo; alegria wireless e sem efeitos colaterais de todas as crianças bem nascidas! Reino submerso; colossal abismo, me manténs à tona! Teu seio me nutre de várias maneiras! Quem é este que não se curva  ante tua falta? Compreendo tua fúria, me deleito na tua  serenidade.  Em doses, em fluxos, em ondas ou marés, por onde quer que escoes, assim me levas. Tu, que ao sabor do vento me transportas, une margens, arrebanha continentes, encurtando distâncias, unindo amores e esperanças,  és total! Dormirei  nos teus braços cálidos a acalentar paixões. Perdoe-me pelo que não faço para evitar as máculas, a ti impostas pelos que não conhecem a tua profundidade!  Pelo que tu és, não poderias ter sido concebida  por outras mãos, nem fluido de outros dedos se não daqueles que indicam o rumo das nuvens, a direção dos ventos  e o caminho das tempestades. Querida irmã, que haja tempo para que todos possam lhe retribuir pelo tanto que tu nos concedes! Em tua superfície , repouso e sonho! Bem mais que os homens, que os anjos do Senhor te protejam!

Marcondes       05 de Fevereiro de 2013                01:27 

 

Ler post completo

Por que promover eventos?

St Ceia 2

Considerações Gerais: Eventos são ferramentas que permitem entrar em contato direto com uma infinidade de clientes ao mesmo tempo. Depois das visitas, treinamentos, palestras e reuniões de vendas, talvez, seja a ferramenta mais efetiva de comunicação, para tornar seus clientes, convidados ou visitantes, côncios do que você e tua empresa vieram fazer no mundo! Quando você anuncia tua empresa e teus produtos em um anúncio de revista, por exemplo,  é difícl prever se o anúncio será mesmo lido e quantos o lerão e o entenderão. Em um evento, atrativo e bem organizado, as pessoas estarão alí, ante tua presença, olhando pra você, ao alcance dos teus olhos, da tua voz, de tuas vitrines, esperando que você comunique algo a eles, portanto, capriche!

Ler post completo

Por falta de zelo, apagaram-se as velas!

Velas 2

Quando uma vela se apaga, apaga-se também uma esperança, um sinal, uma luz, um sonho, uma expectativa. O homem que pensa que tanto sabe, mal sabe viver a vida. Como poderia, então, entendê-la ou explicá-la. Sendo assim, se tão pouco sabe-se e tão pouco investe-se em saber da vida, como poderia, pois, compreender a morte, pela qual ainda não passou?

Em busca do significado das coisas, jubila-se o homem, quando o encontra, tanto quanto enlouquece, se lhe passa o contrário. Todo aquele que busca o sentido do que acontece, apenas, à altura de seu próprio conhecimento, pode não encontrá-lo, pois há motivos que extrapolam tanto a chama, quanto a fumaça.

Nenhuma vela tem o poder de acender-se a si mesma, embora, às vezes, possa o contrário. Receber a luz é uma graça, digna de risos e cânticos, perdê-la é uma dor que só o tempo e o pranto podem acalmar, mesmo que se tenha a consciência de que apagar-se é a sina de toda vela. Ora apaga-se pelo vento, ora pela falta de oxigênio, ora porque umedeceu-se o pavio, ora porque queimou-se toda a parafina. Sem luz, o apaixonado não pode ver-se refletido no olhar da mulher amada e nem a cor do vinho que lhes celebra o encontro. Sem luz o taberneiro não pode contar seu merecido lucro ou, quem sabe, ensoberbar-se dos frutos de sua ganância. A luz vem antes de tudo. Sem ela, só nos resta a dor e o pesar!

Marcondes      28 de Janeiro de 2013                  01:22

Ler post completo

A espera de quem amo!

Menininha pensativa

A espera de quem amo fico na janela, contudo, já não creio em promessas, pois aprendi que nada significam, são apenas subterfúgios para desviar me a atenção do que, em verdade, tanto me faz falta; hoje. Contudo, enquanto eu for criança continuarei crendo; enquanto eu for criança. Urge que algo seja feito, no entanto…, no entanto só me cabe esperar, pois a essa altura de minha vida nada posso em meu próprio favor, ainda não estou pronta para substituições e alternativas que possam me dopar da ausência de quem amo. Ah! Se eu pudesse trocar todo o meu futuro por uma meia hora de hoje com o meu amor! Há tanta reserva em meu coração, há tantas palavras em meu peito, que chegada a tão esperada hora, acelero de mais. Mal sei por onde começar. Por fim me atropelo toda, pois os momentos são tão escassos, mas o que posso fazer? Tenho um baú tão cheio de bonecas, contudo seus olhos não brilham e creio que todas faltaram às aulas de acalanto. Não me contam histórias, não me envolvem em seus braços e também não têm colo! Demoro a pegar no sono à espera de quem amo! Todavia esperarei. Sim! Esperarei enquanto não me vença o sono, enquanto não me passa a inocência, continuarei aqui à espera de quem amo. Ó heróis de minha vida, ó alicerces do meu porvir, ó amigos tardios, ó vacina dos meus medos, ó luz dos meus passos, ó abraço fraterno, vem logo pois!

Marcondes           23 de Janeiro de 2013             01:38

Ler post completo

Para voar, não basta ter asas!

Asas não basta

Certos níveis elevados de realização só são possíveis àqueles capazes de reinventar-se. A contínua evolução reside na eterna insatisfação. Se é verdade que o homem é fruto de suas crenças, enquanto houver apego, não haverá evolução. Ao incapaz de renascer resta a conformidade com o que tem. Quem estiver apaixonado pela própria história já terá alcançado o suficiente de si mesmo. Aquele que se acredita cem por cento certo, já selou o próprio destino e o que se imagina cem por cento errado, se quer nasceu. Reconhecer outras possibilidades, enxergar um mesmo desafio sob novas perspectivas, ouvir mais do que a própria voz só é possível aos verdadeiros líderes. Ceder apenas para conciliar é um erro, não ceder apenas para demonstrar poder é pura ignorância. Muitas vezes o consenso é apenas consenso e nada mais do que o consenso. Nem sempre a discórdia encerra uma inverdade. De modo geral, o silêncio é sinal de incompetência, todavia, há momentos em que denota grande sabedoria. Para muitos a eloquência é sempre sábia e foi por esse meio que tantos foram levados ao holocausto. A borboleta só voará quando morrer a lagarta. Todas as aves tem asas, contudo, poucas dominam o vento e as alturas. Isso explica porque não se encontram águias nos açougues de supermercados. 

Marcondes                                                                  10 de Janeiro de 2013

Ler post completo