Logo-grupo-cimm

Liberte-se do que te oprime!

Ninguém pisa em um homemToda pressão que se pressupõe vir do mercado, da empresa, da matriz, dos clientes, da concorrência, da chefia, da reunião de amanhã à tarde, dos subordinados, dos colegas de trabalho, dos cônjuges, dos filhos, dos namorados, dos parentes, dos amigos sociais, dos professores, dos colegas de classe, dos exames, das provas, das entrevistas de emprego, das contas a pagar, das contas a receber, do banco, das doenças, entre outras tantas, em verdade, não existe! Ou melhor, só existe dentro das pessoas, porque estas dão vida a cada uma dessas pressões. Basta que um indivíduo morra para que todas elas morram junto com ele, pois não têm vida própria e  o que não tem vida própria não existe por si só.

São parasitas da alma, sugadores da vida, minguantes do espírito. A tendência, quase que geral, é particularizar, somatizar e dramatizar cada uma em torno de si. Quanto mais auto piedade, maior a dor e o sofrimento. Em nenhum lugar nada é melhor ou pior. Tudo é apenas reflexo da competência emocional de cada um para desafiar e enfrentar os próprios fantasmas. Não há pressão que sobrevenha a uma pessoa sã, que não tenha origem na emoção, que não emerja de uma infinidade de registros emocionais, acumulados ao longo da vida, pelos quais se formou uma base de orientação, para o que deve ser sofrido, absorvido, acomodado e diluído. Tanto quanto, para o que deve ser desconsiderado, esquecido, anulado e desprezado.

O gatilho emocional que dispara a pressão é o medo. Medo de fracassar, de envelhecer, de adoecer, de ser morto, de morrer, de perder o poder de sedução, de ser demitido, ridicularizado, desprezado, esquecido, punido, abandonado, inútil, reprovado, desonrado, de passar fome, de não cumprir com seus deveres. Arre! Quem assim pensa, não deve temer a morte, pois morto está! Só não o enterraram porque ainda caminha! Cada uma dessas palavras pesa uma tonelada em temores, ou quem sabe, custam meses, talvez, anos de vida e de prazer perdido. Todavia, há sim um remédio, há sim uma cura para tudo isso! A esse remédio se chama coragem! Por isso se diz que é preciso morrer a carne para que se tenha a vitória no espírito!

Quanto maior o medo que se tem, de que se pereça o corpo, menos se deleita e mais se abrevia a vida!  Por essa razão se fala, que a batalha pela felicidade é uma batalha espiritual, pois não se dá no campo do corpo, mas no campo da mente, no espaço das ideias, que é virtual, totalmente imaginário! Porém o corpo sofre com o que emana do espírito!  Você é importante demais para se deixar derrotar! O mundo precisa do teu sorriso, o universo necessita da tua luz, teus descendentes carecem da tua bravura! Ó imagem e semelhança do Eterno!  Teu entorno suplica pela tua vitória que tu és capaz. Levanta-te! Levanta-te agora e muda o curso da tua vida, pois não há desafio que possa fazer sucumbir uma pessoa de fé! Vá, pois a prosperidade é o teu destino! Pronto! Falei!!!

Marcondes             28 de maio de 2013          02:23

Gostou? Então compartilhe

21 comments on “Liberte-se do que te oprime!”

  1. Aryoldo Machado Responder

    Pronto Professor Marcondes. Falou e disse, mais otimismo, mais o lado de como se pode viver feliz. Muito bom!

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado Aryoldo!
      Muito obrigado pela visita e pelo comentário!
      Fico feliz que tenha gostado.
      Crei que a felicidade é um estado de espírito.
      Que possamos viver felizes então!
      Grande abraço,
      Marcondes.

  2. Tatiana Responder

    O melhor é que vc posta isso bem perto do último dia do mês…Muito bom e proveitoso!!!
    Espero que muitos tenham a oportunidade de ler!
    Tenha um grande dia!
    Beijos!

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimada Tatiana!
      Tua amizade não te preço.
      Há muitas coisas que todos já pensam igual, apenas se esqueceram.
      Como não consegui te desejar um bom dia, desejo uma boa noite!
      Mais uma vez muito obrigado pela ajuda na Adimafer!!
      Bj
      Marcondes.

    • Hayley Responder

      Hands down, cute blue mittens free Apple’s app store wins by a mile. It’s a huge seitcelon of all sorts of apps vs a rather sad seitcelon of a handful for Zune. Microsoft has plans, especially in the realm of games, but I’m not sure I’d want to bet on the future if this aspect is important to you. The iPod is a much better choice in that case.

  3. Barbosa Responder

    Valeu Marcondes,
    tenho acompanhado seu blog, e cada vez mais o admiro pelas suas mensagens.
    Um forte abraço e tenha um ótimo dia.

    Barbosa.

  4. Edilson Responder

    Boa tarde amigo Marcondes.

    É verdade, estamos presos por nós mesmos, precisamos nos libertar.

    Penso que só com a ajuda do divino, o humano vai conseguir, Ele tem a liberdade que precisamos.

    Ósculo Santo!!!

    • Francisco C Marcondes Responder

      Grannde Edilson!
      Quando o homem precisa de alguma resposta, na maioria das vezes, procura no mundo e em outras pessoas, contudo, grande parte dessas respostas está dentro dele mesmo.
      Um grande abraço!
      Marcondes.

  5. Aldeci Responder

    Ter a consciência da posição que nos encontramos entre o ponto de equilíbrio e o excessivo, não é uma condição fácil de se controlar. Conhecer os nossos limites e até onde suportamos essas pressões, pode ser a linha divisória entre se manter bem ou entrar num estágio de sofrimento e angústia. Por isso, temos que estar “antenados” todos os dias, para não sermos consumidos antes da hora. Muitas armadilhas invisíveis estão em nosso caminho e às vezes, algumas palavras como essas que você nos presenteia, podem fazer toda a diferença. Um abraço e obrigado.

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado amigo quase irmão!
      Vc é uma dessas pessoas que admiro pelo equilíbrio que ostenta.
      Nunca nos será possível agradar a todos, também não nos convém negar a tudo.
      Viver é uma arte e é bem por isso que avida é bela!
      Se minhas palavras puderem surtir algum efeito positivo e estimular a reflexão sobre ao que dizer sim e ao que dizer não, sem culpa! Uau!!!!!
      Grannnnde abraço e muuuito obrigado pela contribuição!
      Marcondes.

  6. José Luis Responder

    Grande amigo!!
    Lo que Vc dice hace mucho sentido, especialmente en el mundo actual donde lo superficial parece ser equivocadamente el “motor” de las personas.
    Espero que mucha gente joven pueda leer esto.
    Abrazo.

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado Jose Luiz! (mi hermano Chileno)
      Lo mismo me preocupa.
      Muchas vezes veo que la televisión e el cinema propaga, con raras excepciones, la superficialidad. Veo los jovenes mucho más cerca del cuerpo do que del espírito.
      La cultura que se propaga en las musicas, actualmente, está mucho más para la vulgaridad do que para la sabiduria!
      Cabe a nosotros, en la medida de el posible, hacer lo que podamos hacer para cambiar o que se pueda cambiar!
      Grannnnnnnnnnnnnnnnnnde Abrazo y muchas gracias por la visita!!
      Marcondes.

  7. Marcello Responder

    Prezado Marcondes. Eu ja era tei fã
    Mas depois da palestra que você fez na convenção da TAMARU. Eu fiquei mais fã ainda. Parabéns pelo o trabalho que o senhor tem desenvolvido através desse blog e também pelas palestras.

    • Francisco C. Marcondes Responder

      Prezado Marcelllo!
      Fico feliz por saber disso e te agradeço pelo prestígio que me confere, sendo seguidor do meu blog.
      Escrever é uma das minhas paixões e tenho me esforçado para conseguir publicar textos que possam servir de motivação para as pessoas.
      Creio que teremos novas oportunidades de estar juntos com a continuidade do trabalho que o João nos anunciou durante a convenção.
      Muito obrigaso pela visita ao blog e pelo comentário!
      Grande abraço e bom feriado pra você!
      Abraço!
      Marcondes

  8. Osorio Arruda Responder

    Parabéns Prof. Marcondes, pela linda e profunda matéria que classifica as dores de nós humanos, e principalmente pelo norte feliz que deste à matéria, devemos sim irmos à luta como disseste.

    Grande abraço, sempre que quero ler coisas boas acesso o seu blog, mais uma vez, meus sinceros parabéns, Deus o abençoe muito.

    Grande abraço :

    Osorio Arruda

    • Francisco C. Marcondes Responder

      Estimado Osorio!
      Fico muito feliz que siga o meu blog!
      Muito obrigado pelas motivadoras palavras!
      Tê-lo como amigo me é um privilégio.
      Prometo me esforçar para continuar escrevendo e agradando.
      Mais uma vez obrigado pela visita!
      Abração!
      Marcondes.

  9. ORLANDO QUISPE Responder

    Hola Sr. Marcondez:

    Un saludo cordial a ud.
    No entendí bien algunas partes de este mensaje, si pudiera enviarme en español
    este articulo seria fantástico, pues tengo varias personas jovenes a quienes enviarles
    Ah El viernes estuve en Anhembi, y no pude encontrarle.
    El sábado no estaba. Bueno esperare otra oportunidad para conocerle.

    Adios Orlando
    Santa Cruz Bolivia

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado Orlando!
      Mil perdones por no contestar tu e-mail antes.
      Realmente mis amigos me han dicho que tu estuvira a mi procura, pero yo estuve haciendo unas visitaciones a algunos amigos em la própria exibición, por esa razón no estaba!
      El blog tiene um sistema que me avisa cuando alguna persone me deja algun comentário, pero desta vez, solamente leí tu mensaje hoy.
      Tendré mucho plazer em traduzir el post para Portuñol, pues mi Español és limitado, aunque yo tenga gran adimiración por tu rico idioma!
      Me quedé ancantado com tu visita y tu mesaje motivadora.
      Yo empecé a traduzir todas las mensajes por certo tiempo, después yo he notado que havia pocos accesos y el acumulo de trabajo me hizo parar, pero tu comentário me estimula a repensar mi decisión!
      Muchas gracias por tu visita y por tus palavras!
      Atentos saludos!!!!
      Marcondes.

Deixe uma resposta