Logo-grupo-cimm

Não confie em imagens!

Seduzidos pelo olhar aproximam-se corpos em busca de felicidade,  perpetuação e elevação do ego. Associam-se às probabilidades genéticas, ostentadas pelas melhores formas, pelas poses mais sensuais e pelas indumentárias mais encantadoras, na expectativa de garantir, desse modo, o que de mais prazeroso possa conceber a carne. Alucinados pela visão, enxergam apenas o que querem ver e ouvem apenas o que lhes passa os olhos. Por eles enfeitiçados, projetam futuros e simulam pseudo realidades. Esperançosos, apostam que o amanhã confirmará o fruto de suas ousadas projeções. Conspiram a favor de tais devaneios o olfato, o tato e, por vezes, o paladar. Ouvidos, têm, contudo não os escutam. O tempo, todavia, tem mostrado que a felicidade duradoura não é aquela que nasce à partir dos olhos, mas sim aquela que emana do coração. Mais que tocar a carne é imprescindível tanger a alma e indispensável mover o espírito, se é que buscam algo mais profundo e perpétuo . Para tanto, nenhum sentido deve se por em posição mais elevada do que aquela que o melhor do bom senso recomende. Como fazer isso? Comece a conhecer as pessoas de olhos fechados e só depois os vá abrindo aos poucos! Não confie em promessas, prefira as atitudes. Sempre haverá príncipes e  princesas que combinam o melhor da imagem, com o mais elevado conteúdo, porém, afora o acaso, só a sabedoria os levará a conquistá-los.

Como disse Pessoa: “Não sou nada, não posso querer ser nada” à parte disso, se você gostou, compartilhe!

Muito Obrigado!!

Marcondes 18/09/2012

 

Gostou? Então compartilhe

6 comments on “Não confie em imagens!”

  1. Fellipe Responder

    Sem dúvidas mais uma vez está coberto de razão, devo concordar com vossas sábias palavras, e digo de passagem o quão poético é.

    Parabéns mais uma vez.

    • Francisco C Marcondes Responder

      Grannnnde Fellipe!
      Muito obrigado pela visita e pelo comentário!
      Escrever é um dos meus prazeres de vida.
      Vou ler o artigo que você escreveu para tua amiga e farei meus comentários, se não por escrito, na sexta feira na FIG.
      Abraço meu irmão!
      Marcondes.

  2. Josimar Responder

    Conteudo muito bom.

    A maneira que você coloca o assunto, relata as dificuldades do cotidiano, um bom exemplo são as fotos das capas de revista (dieta), que iludem a cabeça do povo, principalmente das mulheres, que são as que mais sofrem.

    • marcondes Responder

      Olá Josimar!
      Obrigado pela visita e pelo comentário!
      A televisão cria um padrão de beleza, escolhendo criteriosamente cada ator ou atriz,cada garoto propaganda e passa a seguinte mensagem: “Use isso, ou compre isso e ficará igual a essa pessoa maravilhosa!” A maioria das pessoas são levadas ao consumo por vaidade, por quererem, ainda que externamente, ficar igual ao tal padrão de beleza. Poucos se importam de investirem para ficarem também bonitos por dentro.
      Ninguém deve ser descuidado da própria aparência, da higiêne pessoal, etc. Mas só isso não é sificiente para que alguém seja feliz.
      Suponha que haja mesmo uma prestação de contas após a morte. Imagine que alguém ao chegar à porta do céu precise antes prestar contas do que tenha feito por sua passagem pela vida. Penso que o inquisidor poderia perguntar: “E você meu amigo! O que fez de bom em sua passagem pela terra?” Daí o cidadão ou cidadã responderia: “Eu? Bem eu fui bonito!!!”
      Acho que viajei muito agora!
      Mais uma vez obrigado pelo comentário!
      Abraço.
      Marcondes.

  3. Vinicius Responder

    Muito, muito bonito Marcondes.
    Ao ler vamos voltando ao tempo de criança e vamos passando ate chegar aos dias atuais…é impressionante o quanto sonhamos e imaginamos as coisas e não vivemos!!

    • marcondes Responder

      Olá Grannnde Vinícius!
      A vida é uma processo. Cada fase serve para nos trazer parte dos ensinamentos que ajudam a construir nossa serinidade ou aflição futura. Refletir sobre cada uma dessas fases pode nos acrescentar sabedoria. Quanto mais sabedoria, mais serenidade e vice versa.
      Grande abraço meu irmão!!
      Marcondes.

Deixe uma resposta