Logo-grupo-cimm

Não fuja de si mesmo!

Do que vivemos nós? De fatos ou de ilusões? Daquilo que é  ou daquilo que imaginamos ser? O que, verdadeiramente, nos atrai? O fato ou o devaneio? O que mais nos afeta? A realidade ou a imaginação? Com o que mais nos importamos? Com o que pensamos ou com o que os outros poderão pensar? E o que pensamos que os outros vão pensar, seria mesmo o que pensariam? Do todo que pensamos, quanto corresponde ao absoluto e quanto ao volátil? Decidimos sobre certezas ou sobre suposições? E o belo? É belo porque é mesmo belo ou porque casa com os meus desejos? “Penso, logo existo” ou Penso, logo sofro? Quando nos expressamos, somos o que somos ou aquilo que nos recomendam ser? Faço o que faço pelo que sinto ou pelo que quero que outros sintam? Se não respondo o que devo responder, por que faço isso? Por que critico os que fazem o que eu gostaria tanto de fazer? Talvez, não tenhamos respostas a todas essas perguntas. Porém, a coragem de respondê-las, pode nos levar a ser o que, em verdade, já somos!!!

Se voce leu e gostou, compartilhe!

Muito Obrigado!

Marcondes 2012/08/24

Gostou? Então compartilhe

12 comments on “Não fuja de si mesmo!”

  1. Sergio Responder

    Grande Marcondes!!

    Este exercício é que movem pessoas como eu e voce. Movemo-nos na busca do aperfeiçoamento interior, buscando nos aproximar da perfeição. Isto terá um reconhecimento Divino ou para nosso próprio consumo?

    Enfim, muitas vezes me pega pensando: “A ignorância é uma dádiva” outras lembro de um velho livro: “Quem a muito é dado muito será cobrado”

    Então fico por aqui, dividido entre saber e crescer, entre falar e calar, entre ser e ter, entre justiça ou conveniência. Afinal somos humanos, com a missão da evolução, porém, infantis e falíveis.

    • Francisco Marcondes Responder

      Grande Sergio!
      Muito obrigado pela visita e pelo comentário!
      To reformando minha casa e acabei me atrasando na resposta, me perdoe!
      A verdadeira felicidade começa em encontrar-se a si mesmo.
      Muitos não procuram a si mesmos por terem medo do que vão encontar, porém, ainda que encontrem pouco, esse pouco, se sincero e verdadeiro, pode germinar e crescer como um grão de mostarda.
      Uma excelente semana pra você e tua família!
      Grande abraço!
      Marcondes.

    • Francisco Marcondes Responder

      Olá Fernandes!
      Fico feliz que tenha gostado!
      Muito obrigado!
      A busaca da verdade deve ser constante, pois a felicidade vem de lá!
      Grannnnde abraço e uma execlente semana pra você e tua família!
      Marcondes.

  2. Renata Responder

    Boa tarde Marcondes!

    Valeu mesmo. Vivemos mesmo de dilemas diários a serem resolvidos e muitas vezes nem sempre conseguimos. Somos o que somos por que tivemos uma educação correta ou por que resolvemos seguir outros caminhos. Hoje em dia, analiso muito as coisas antes de decidir se vou me fazer feliz ou aos outros.
    Adoro seus artigos!!!!!!!!!

    Abraço!

    • Francisco Marcondes Responder

      Olá Renata!
      Muito obrigado da visita e do comentário!
      Muito me motiva.
      Einstein dizia que as boas perguntas nos conduzem ás soluções.
      O caminho da sabedoria começa em saber impor-se perguntas que nos conduzam aos mais altos níveis de reflexão. As perguntas que faço são aquelas que mais me desafiam.
      Um grannde abraço e uma excelente semana pra você e tua família!!
      Marcondes.

  3. Edilson Alves Responder

    Boa tarde querido Marcondes, semana super abençoada pra você e família!!!

    A cada dia que passa, cada nova experiência de vida com os meus amigos e com meus familiares, quanto mais conheço ao meu Senhor, mais me transformo em outra pessoa.
    Eu acho que na verdade vamos nos transformando de acordo com os acontecimentos que nos cercam, eu fico muito preocupado quando ouço essa frase, “SEJA VOCÊ MESMO”, nem sempre o que somos hoje é o melhor a ser, nós precisamos aprender a crescer e se transformar a cada novo dia, acho que para sermos nós mesmos o melhor é olhar no espelho e ver o outro que nos cerca, ver o outro que precisamos ser, o outro que queremos ser, e o outro que o divino precisa que sejamos, assim vamos ser quem realmente somos.

    Quando Jesus teve o encontro com Nicodemos, eu sei que a fala do Mestre não teve apenas o sentido literal, alias a maioria das falas de Jesus tinham mais do sentido Espiritual do que Literal, mas Jesus disse para Nicodemos que ele precisa nascer de novo, ele precisava deixar de ser quem era para ser alguém melhor, e eu acho que isso serve para todos nós hoje, todos os dias precisamos nascer de novo, precisamos crescer e se transformar em alguém melhor para nós mesmos e para as pessoas que nos cercam.

    Ósculo Santo!!!

    • Francisco C Marcondes Responder

      Estimado Edilson!
      Obrigado por sua visita e por seus comentários.
      Creio que a vida do buscador da verdade é uma constante inquietação.
      Penso que se todos voltassemos a ser crianças, voltariamos a ser o que pode haver de melhor em um ser humano, sinceridade, pureza e inocência.
      Quem finge ser o que não é, engana aos outros e así mesmo.
      Mais uma vez obrigado pela visita e pelas palavras.
      Um ósculo santo pra você também!
      Marcondes.

  4. Vinicius Responder

    Grande Marcondes,
    O exercício é diário, nos faz pensar, imaginar, sonhar, as vezes sofremos, as vezes choramos…
    Em etapas da vida o círculo do pensamento pode doer, pois imaginamos tanto, imaginamos o que vão imaginar, as vezes da pra se perguntar se não estamos ficando robóticos, eu as vezes me sinto assim…chega a ser interessante os encontros do que somos de verdade, ou inquietantes os confrontos do que imaginamos ser com o que somos, enquanto não nos sentimos confortaveis em nós mesmos…

    ….“Penso, logo existo” ou Penso, logo sofro…..

    • marcondes Responder

      Estimado Vinicius!
      Sempre me alegro com tua visita!
      Espero que todos estejam mutio bem em tua casa, com tua família e com teus familiares.
      As rotinas do dia a dia nos consome e pouco tempo nos sobra para a reflexão.
      Boas perguntas podem nos levar à inquietação, porém ao encontrarmos as respostas confortamos nosso espírito.
      Muuuito obrigado por tuas palavras e por teu comentário.
      Grannnnde abraço!
      Marcondes.

  5. Marcus Henrique Olivetti Responder

    Caro Marcondes,
    com grande alegria passo a visitar seu blog !!
    Como sempre escrevendo e desafiando nossa inteligencia com muito charme e provocação.
    Almoçar na Sandvik, tendo você como companhia à mesa, sempre foi muito enriquecedor e agradável.Agora tenho a chance de reviver um pouco disso.
    Um forte abraço e espero mais temas interessantes como este!!

    • marcondes Responder

      Grannnnde Marcão!!!!
      Que privilégio receber tua visita!
      Também curtia sentar à mesa com você e o Osvaldo.
      Ajudava a trazer assuntos novos e interessantes à conversa.
      Na mesa da Coromant sempre conversavamos sobre as mesmas coisas e vocês traziam diversidade de temas.
      Fico feliz que acompanhe o blog, vou caprichar mais, pois aumenta minha responsabilidade.
      Um super abraço!!!
      Marcondes.

Deixe uma resposta